Review – Tom Clacy’s The Division 2

by:

CríticasGames

Tom Clacy’s The Division 2 chegou para ampliar o universo pós-apocalíptico criado pelo seu antecessor, prometendo ser um dos melhores do segmento de tiro online que a Ubisfoft criou para PS4, Xbox One e PC. O jogo conseguiu entregar aquilo que o fã gosta ao mesmo tempo não inova, mas é uma boa diversão para formar equipes coop.

Claro, a jogabilidade foi aprimorada, porém, mantém o mecanismo cover adicionando algumas melhorias. Caso esteja em galera, terá de prestar bem atenção ao seu redor pois uma estratégia ruim pode colocar tudo a perder na missão. Pois é quase impossível resolver algo sozinho no game.

As missões exigem trabalho em grupo, quatro classes podem ser escolhidas e aprimoradas conforme o player vá concluindo as tarefas. Porém em determinados momentos Tom Clacy’s The Division 2 começa a ser repetitivo e cansativo, algo que seu antecessor pecava também. Quem sabe após novas atualizações a produtora consiga melhorar esse desempenho.

Algo que mudou e foi positivo é a forma de como o player pode desenvolver o personagem, são quatro tipos de classes e as munições parecem estar no “conta gota”, é necessário utilizá-la com sabedoria.

Conclusão

Realmente a UBISOFT sabe trabalhar com franquias que dão certo. Após explorar muitos outros títulos no decorrer da nova geração de consoles, a empresa trouxe uma nova versão para um dos melhores jogos de tiro cooperado, o Tom Clacy’s The Division 2, a primorando a inteligência artificial, inserindo um enredo interessante e continuando no que deu certo. Mas se perde no quesito inovação e com missões repetitivas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *